Hábitos que ajudam a se livrar da procrastinação

Sabe aquele dia em que o despertador toca, e você o adia por no mínimo 2 vezes para então decidir se levantar, já estando alguns minutos atrasado, a primeira coisa feita ao acordar é pegar seu celular e abrir o Instagram afinal, 10 minutinhos não irão fazer diferença, uma nova notificação chega e quando você percebe já transitou entre todas as redes sociais possíveis e está atrasado. E é dessa mesma forma que você conduz todo o restante do seu dia, ao chegar no trabalho e dar só mais uma conferidinha no Facebook para ver se tem algo novo, responder um e outro no WhatsApp, ir ver alguns stories no Instagram à medida que se passaram 30 minutos e você ainda sequer ligou o seu computador. Ao chegar no final do dia, você se sente cansado, improdutivo e ainda assim continua postergando tarefas, deixando a louça para o outro dia, não realizando algo que se comprometeu a fazer e por aí vai. 

Isso já aconteceu com você? Você se sente culpado por isso e entende que atitudes como essas são prejudiciais visando um futuro não tão distante?  Se sim, esse texto aqui é para você. 

A procrastinação é a arte de empurrar com a barriga, deixar para fazer depois o que se deve fazer agora, iniciar uma tarefa e perder o seu foco no meio dela, é trabalhar com o WhatsApp conectado no seu computador e parar a cada 5 minutos para responder uma mensagem. Você deve estar pensando, tudo bem isso são coisas comuns, todo mundo tem um lado procrastinador, mas será que nós entendemos de fato o mal nisso? 

A procrastinação é um problema crônico para até 20% da população mundial. A rotina do adiamento resulta em doenças físicas e mentais de longo e curto prazo, além de deixar as pessoas menos capazes de alcançar metas de profissionais e pessoais, ela está mais presente em pessoas impulsivas e assim por natureza com baixo autocontrole.

Entretanto é possível reverter essa situação, a procrastinação é um hábito e você pode eliminá-lo da sua rotina. Segundo a Teoria dos 21 dias, o ser humano precisa de, no mínimo, 21 dias constantes para mudar um hábito e é importante deixar bem claro que é o mínimo e não o suficiente para que estas mudanças aconteçam. Quando falamos em mudança de hábitos é sempre bom relembrar que cada pessoa tem o seu próprio tempo, umas podem levar mais que as outras, mas a persistência é quem determina o resultado final. 

Então fiz esse texto para lançar um desafio, eu vou te dar 04 dicas simples para que você possa praticar pelos próximos 21 dias e assim reduzir o ciclo vicioso da procrastinação em seu dia a dia. 

01- Esqueça os dez minutinhos a mais na cama: 

A primeira dica é bem simples, porém, tem um grande poder de influência sobre seu dia. Ela consiste em não começar o seu dia procrastinando, como assim Catarina? Esqueça da existência do modo soneca, se esforce ao máximo para assim que o seu despertador tocar você se levantar da cama,  um plus nessa dica, para não cair na tentação dos dez minutos a mais, assim que despertar, tire as cobertas de cima do seu corpo, assim seu corpo entende que está na hora de levantar e também busque deixar despertador longe o suficiente pra que  você precise se levantar da cama para desativa-lo.

02- Elimine os ladrões de atenção: 

Sabe aquela olhadinha no Facebook, aquele vídeo de cinco minutos no youtube, aquela mensagem que você “precisa” responder? FUJA de tudo isso. 

Esses são os ladrões do seu foco e da sua atenção, o que começa com uma olhadinha se expande até você perceber que passou horas navegando em conteúdos improdutivos e deixando de fazer o que de fato era importante e necessário.

Tenho duas dicas para te dar nesse sentido, a primeira é deixar o celular no modo silencioso e definir algumas pausas durante o dia para olha-lo (regra pomodoro, você conhece? É uma técnica muito bacana que ajuda a tirar sua mente do looping de trabalho mas sem perder totalmente a concentração. Ela se consiste em 25 minutos de atividade e 5 em pausa, nessas pausinhas você pode dar aquela olhada no celular, tomar um café o que preferir). A segunda é para quando você não pode perder as notificações importantes, desative as das redes sociais, deixando somente as do E-mail, Whatsapp ou qualquer ferramenta que faça parte da sua rotina e não te faça desconectar do essencial.

Por que não fugir dessas distrações antes delas consumirem todo seu tempo? 

03-  Tenha suas tarefas claras em sua mente:

Não estamos falando em apenas listar suas tarefas, você precisa saber medir a prioridade de cada uma delas, entender que em um dia de trabalho que tem normalmente 8 horas de duração você não irá fazer 10 tarefas que demandam no mínimo 1hr do seu tempo.Manter as tarefas que você se comprometeu em fazer no dia também é interessante pois no dia seguinte você consegue saber qual foi seu desempenho e começa a ter mais noção referente a suas estimativas.

04- Termine o que você começou: 

Esse é um dos lemas aqui na Nano, pare de se comprometer com uma tarefa e abandoná-la no meio do caminho, ser produtivo está mais relacionado com a quantidade de tarefas que você entrega (feitinha, completa) do que tentar abraçar o mundo com as mãos e por fim não resolver nada. 

Bom Incuber, esse conteúdo foi feito pensando em você que assim como eu e todo o restante do time da Nano, está em uma luta constante para ser a sua melhor versão, posso te dizer que ter identificado isso já é um grande passo. De agora em diante, pense sempre no peso das suas escolhas (tanto o positivo quanto o negativo), não se cobre tanto, se recomprometa caso você falhe e o mais importante vai no seu tempo que você vai ver como daqui a pouco estará fazendo tudo que se comprometeu no seu dia e ainda vai acabar ele com energia para fazer outras coisas que sejam importante.

 

Compartilhe com sua rede favorita!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •