7 hábitos para aumentar criatividade

7 Habitos para sua mente ser mais criativa

A Criatividade é o resultado de como você pensa. Praticando os hábitos de pensamento criativo permite que você quebre a barreira do que é possível. Melhorando as habilidades, melhorando os clientes e a capacidade de passar por situações difíceis. Essa são apenas algumas das coisas que o pensamento criativo traz.
1- Aprenda algo novo todos os dias
Há um fato simples que você precisa saber para ter sucesso e ter a vida que você. E para despertar a sua imaginação para que você possa fazer o melhor trabalho possível. Aqui está:

“Tudo ao seu redor que você chama de vida foi feita por pessoas que não eram mais inteligentes do que você. Você pode mudá-la. Você pode influenciá-la. Você pode construir suas próprias coisas que outras pessoas podem usar.” Steve Jobs

Mentes criativas, não deixem que outras conquistas afetem a sua própria criação de algo notável. Se você acha que não pode fazer algo – escrever um romance, fazer um site, ou fazer algum produto que as pessoas precisam – pense novamente. Pense no fato de que tudo que você vê agora foi criado por alguém. Será que eles têm algum tipo de super poder?

Não. Eles eram pensadores criativos que praticavam seus hábitos de pensamento criativo verdadeiramente e apaixonadamente.

Desenvolver a criatividade significa aprender algo novo todos os dias. Ir para o melhor lugar para aprender online, encontrar novos tutoriais e artigos postados diariamente sobre temas relacionados ao seu nicho.

Tire um tempo entre trabalhar em projetos para adquirir uma nova habilidade, isto pode significar também experimentar novas técnicas para as coisas em que você já trabalha.

Aqui está um exemplo: Meu amigo é fotógrafo e ele recentemente começou a desenhar, todos os dias ele faz questão de desenhar algo – um esboço, concept, personagem, qualquer coisa. Ele me disse que quanto mais desenhos ele faz, mais interessado em arte ele se torna. Novas técnicas e aprimoramentos com as linhas do desenho ajudam a expandir a criatividade do seu trabalho. Você sabe o que aconteceu depois? Sua fotografia se tornou mais interessante também.

A criatividade acontece quando você se esforça para aprender ou tentar algo novo todos os dias, muito em breve, isto se tornará um hábito. Tenha bons hábitos criativos e sua mente será feliz.

2- Ligue os pontos
Steve Jobs falou sobre isso em seu discurso famoso. Ele disse que a criatividade é só ligar os pontos. Pensadores criativos produzem ideias por encontrar uma relação entre os fatos. Os fatos são meramente inúteis por conta própria até que você encontra a conexão entre eles.

Quando você vê a conexão entre os fatos, você estará apto a criar algo diferente.

Isto é o que seus clientes estão esperando. Mesmo que eles não estão cientes disso, eles estão realmente confiando em você, porque eles dependem de uma nova perspectiva.

Desenvolvendo uma ampla gama de habilidades é uma ótima maneira de descobrir a conexão das ideias. Não apenas se manter ao que você está naturalmente bom.

Se você é um web designer, passa muito tempo em aprendendo como o código vai fazer seu design melhor. Porque? Porque você está abrindo novos espaços da criatividade baseada em aspectos técnicos que você não estava acostumado.

Por exemplo, você nunca deve ter pensado em criar um website com texto vertical, mas com uma pequena pesquisa em HTML e CSS, você aprendeu não só tecnicamente como criar um texto vertical com CSS – mas abriu sua mente para as possibilidades de usar um texto vertical para seu projeto.

A conexão entre as ideias não acontecem a menos que você pesquise um pouco. Comece aumentando o seu dom natural com as habilidades que complementam. Escritores podem aprender sobre fotografia, designers podem aprender sobre desenvolvimento, e desenvolvedores aprendem sobre design.

Os clientes ficarão agradecidos pela habilidade que você enxerga acima e além. Você pode até ver algo que eles não estavam cientes e oferecer seu conselho.

3- Ver o potencial faça uma lista
Não pare de pensar apenas porque a tecnologia, dinheiro ou o apoio de sua ideia não existem ainda, será algum dia. A realidade é o resultado da imaginação. O que você colocar na máquina de criatividade, é o produto real ou de inovação que vai sair.

Você pode criar seu melhor trabalho com base na quantidade de visão que você coloca em uma única ideia.

Como disse Einstein: “A lógica te leva para A e B, a imaginação te leva para qualquer lugar”.

Alguns tendem a pensar que listas limitam a mente criativa, isto é parcialmente verdade, pois uma lista com tarefas rotineiras mandando fazer coisas em momentos específicos é um fator limitante, porém uma boa lista de decisões é muito mais do que um gerenciamento de tarefas simples.

Pensadores criativos utilizam listas como roteiros mentais, como um lugar para ver todas as suas ideias antes da invasão de outra onda de pensamento criativo.

Thomas Edison, John Lennon e Leonardo da Vinci estão entre alguns dos pensadores criativos da história que usaram listas feitas como uma ferramenta de criatividade.

Designers e Ilustradores podem fazer listas de conceitos ou ter sempre um bloco de rascunho para desenhar rapidamente suas ideias. Quando um novo projeto surge, é fácil de inspirar se você já tem todos seus pensamentos criativos escritos ou desenhados em sua frente.

Aqui está o que deveria fazer: Criar uma lista de coisas que você quer que no seu projeto para fazer e alcançar. Sem edição, sem pensar demais, e sem acreditar em coisas impossíveis – apenas escreva a lista.

Agora dê uma boa olhada em sua lista. Tendo em mente os hábitos de pensamento criativo, o que está te impedindo de fazer as coisas de sua lista uma realidade? Lembre-se que a realidade é o que você cria. Pensar de forma criativa faz você encontrar soluções para os problemas que podem surgir quando você estiver trabalhando. Além disso, os clientes estão confiando em você para dar uma ótima solução.

4- Não feche a porta para a criatividade
Todos nós sabemos que é muito importante ouvir a opinião de outras pessoas. Mas se alguém está dizendo para fazer algo que não pode ser feito ou que não deve ser feito sem ouvir o projeto completo – não ouça. Crie sem interrupções. Você não quer alguém derrubando suas ideias antes delas florescerem.

Nós temos algumas vezes que baixar o tom de nossa mente criativa de ficar muito selvagem. Mas não faça isso imediatamente. Se um cliente pede um logotipo com muitos requisitos específicos, não siga as regras imediatamente.

Primeiro, crie com seus instintos iniciais. O que você poderia fazer para melhorar sem o cliente ter pedido? Depois baixe o tom para satisfazer suas necessidades. Talvez você poderá incluir estas novas ideias em outros projetos. Ele pode até inspirar seu cliente a pensar em algo que ele gostaria de incluir no dele, mas se você vai fazer isto, certifique-se que a maior parte do trabalho precisa ser apresentada conforme ele pediu.

O ponto é manter a porta aberta para a criatividade. Quando você for escrever, não pare para editar, assim você não perde todos os bons pensamentos que levaram você a abrir um documento em branco. Crie agora e edite depois. Quem sabe onde sua mente criativa pode chegar?

5- Manter uma perspectiva ampla
Como uma pessoa de negócios, você sabe que a natureza é de evoluir constantemente. Se virar, adaptar-se às exigências e esculpir um novo caminho na direção do que o cliente quer. Se quiser alcançar tudo isso, você vai precisar pensar “fora da caixa”. Atinja os limites da criatividade para ter uma visão personalizada e faça o melhor possível.

Muitos artistas ao longo da história tiveram que apresentar um grande esforço para pensar além do único caminho na estrada. Picasso passou por muitas fases de diferentes estilos de arte. Ele passou pelo período azul, rosa, período surrealista, entre outros.Com o tempo ele evoluiu e mudou sua arte para refletir as situações afora, ele sentiu e experimentou.

Como um profissional criativo, você precisa de uma perspectiva mais ampla. Mentes criativas são curiosas sobre como o mundo funciona, eles encontram vários temas fascinantes, isto é especialmente importante quando se trata de trabalhar com seus clientes. Trabalhamos com uma grande variação de clientes que muito provavelmente não são como você, mas você precisa ser como eles a fim de escrever o melhor texto, projetar o melhor website, ou tirar as melhores fotos alcançando seu objetivo de negócio.

6- Diga não muitos mais do que você pensa
Peneirando o material que não funciona é tão importante quanto manter as coisas que não funcionam. Dizer não para os clientes é atualmente um aspecto importante para preservar a criatividade. Ficando sobrecarregado por um trabalho extra irá reduzir a qualidade do trabalho que você já tem. Mas não se trata apenas em falar não aos clientes, dizer não significa também refinar suas ideias criativas.

Primeiro, deixe sua imaginação voar. Escreva sem edição e faça projetos sem regras. Mas depois disso, veja todas as coisas diferentes que você criou e refina os resultados de seu pensamento criativo revisando as peças que não se encaixam, e fazendo isso, você cria um pedaço sólido de trabalho.

7- Compartilhe seus momentos “tive uma ideia”
Duas mentes pensam melhor que uma. A colaboração é a chave para o desenvolvimento de ideias, levá-las aos lugares que você não tinha pensado antes.

Algumas vezes uma ideia floresce quando você está conversando sobre um projeto com um amigo, colega de trabalho ou parceiro, outras vezes, você e a pessoa com quem está conversando terminam com uma grande lista de novas ideias que vão longe do pensamento original. Isto é bom e permite você ligar os pontos entre todas as ideias que realmente tem mais substância e profundidade do que um conceito singular.

Imagine um quadro em branco na parede. Quantas ideias criativas você consegue escrever em 5 minutos? O que deveria ter no quadro branco?
Agora pense 5 pensamentos criativos individuais e escreva toda a ideia criativa nos mesmos 5 minutos. Você terá uma imagem diferente em sua cabeça de como você vê agora no quadro branco não é? Você tem mais como explorar e expandir seus pensamentos.
É como pegar uma fruta de uma árvore que cresce maçãs, peras e bananas, todos no mesmo ramo, em vez de pegar uma maçã de uma árvore de maçã. A variedade de possíveis conexões criativas deixa você de queixo caído.

 

Fonte: http://www.criativedg.com/